A Prefeitura Municipal de Passos, através da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) comemora o sucesso da Feira Regional de Economia Solidária realizada nos dias 08, 09, 10 e 11 de dezembro na Praça Geraldo da Silva Maia. Neste ano, a Feira reuniu associações de artesanato de Passos, São José da Barra, Carmo do Rio Claro, Formiga, São Sebastião do Paraíso, Varginha, Andradas e o Projeto “Balaio Mineiro” que reúne associações de 16 municípios. Também participaram da Feira, a APAE de Passos, Casa “São José”, as Oficinas de Economia Solidária dos Cras e ISEPEM, Instituto Social Educacional e de Pesquisa do Estado de Minas Gerais com a apresentação do ceramista Jair Rodrigues de Cássia fazendo ao vivo vasos em cerâmica e distribuindo aos visitantes e as fontes em cerâmica e pedra do artista Francisco de Paula Ribeiro que mora em Passos. Além dos artesãos, a Feira contribuiu para o aumento significativo das vendas das barracas de pastel, doces, pamonha e outros alimentos que tradicionalmente estão presentes na Praça do Rosário.

Além de muitos bons negócios realizados pelas associações de artesãos, foram destaque na Feria de Economia Solidária, as apresentações de arte e cultura:

  • Grupo Facetas de Teatro com a Peça “A surpresa de Onofre” , Grupo de Dança “Carissa Belly Dance”;
  • Grupo de Capoeira do CRAS, Grupo de Teatro do CRAS com a Peça “Anunciação do Anjo” e o Grupo de Dança do CRAS São Francisco.
  • Na manhã de sábado, mesmo debaixo da forte chuva, o músico Ivan Abreu fez um belíssimo show de música popular brasileira e em seguida foi a vez da a Banda Abduz Iduzz fazer o show de pop rock que estendeu até a tarde;
  • à noite os alunos da Escola Prof. Ananias Emerenciano apresentaram a Peça Auto de Natal e pra encerrar o Grupo de Seresta Nossa Senhora da Penha, sob o comando de Sidney do Amaral, emocionou o publico na noite com lindas músicas e levando a mensagem de paz e confraternização do Natal.
  • No domingo, que naturalmente é um dia pacato em Passos, muitas pessoas circularam pela Feira durante todo o dia fazendo compras e passeando com a família.

Para o Secretário de Assistência Social Auro Maia Soares, a Feira atingiu o objetivo e foi além ao despertar novos artesãos de Passos e a comunidade para a importância da Economia Solidária como alternativa ao desemprego e como política de geração de trabalho e renda. “A cada ano que passa sentimos que é importante efetivar a economia solidaria principalmente motivando as pessoas que se encontram em risco social ou em situação de desemprego a encontrar, na economia solidária uma fonte de trabalho e sobrevivência”, afirmou Juliana Moura, Assessora Técnica da Semas.

“Dizem que santo de casa não faz milagre. Assim, sempre fiz as minhas peças lá no meu cantinho no bairro Aclimação. No entanto, ao expor na Feira pude receber o reconhecimento de muitas pessoas. Agora, quero expor o meu trabalho todas as quintas feiras na Praça e incentivar os artesãos que estão por escondidos por aí, a se unirem através da economia solidária”, diz o artista Francisco Evangelista.

A Secretaria de Assistência Social registrou a presença de turistas de Guaxupé, Itau de Minas, São João Batista do Gloria, Cássia, São Sebastião do Paraiso, Carmo do Rio Claro e diversas cidades da região. O Diretor de Economia Solidaria da Prefeitura de Guaxupé, Edson Ambrosio e sua família, o Deputado Federal Odair Cunha, que cedeu o som e equipe técnica de sonorização para os quatro dias da Feira e o ex-Ministro dos Direitos Humanos Nilmario Miranda visitaram a Feira. O deputado Odair Cunha disse que a sonorização da Feira de Economia Solidária de Passos já faz parte da sua agenda anual. “Incentivar a Economia Solidária é promover a vida, o trabalho e a dignidade humana”. Todos os participantes da Feira elogiaram a receptividade e a organização da Feira feita pela Equipe da Secretaria de Assistência Social. Fonte: Semas-PMP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *